Aécio Neves poderá ser o próximo a ser preso à pedido do Procurador Geral da República


Rodrigo Janot, Procurador Geral da República, pediu para que o inquérito contra Aécio Neves (PSDB) por crimes e corrupção passiva ou lavagem de dinheiro.

O pedido tem base fatos trazidos na colaboração do Senador Delcídio do Amaral homologada pelo STF (Supremo Tribunal Federal) e é relacionada no caso de Furnas.
 


O pedido foi feito e enviado ao ministro Teori Zavascki que era o relator da Operação Lava Jato, mas acabou falecendo em um acidente aéreo.

Fundação no exterior – O procurador-geral aponta que, durante a Operação Norbert, no Rio de Janeiro, documentos apreendidos na casa dos doleiros Christiane Puchmann e Norbert Muller revelaram que diversas pessoas criaram mecanismos de interposição de personalidade jurídica, com o objetivo de manter e ocultar valores no exterior, inclusiva na Suíça e no Principado de Liechtenstein, na Europa. A mãe de Aécio Neves, Inês Maria Neves Faria, seria a titular da Fundação Bogart and Taylor.

Fonte: Pensa Brasil
Aécio Neves poderá ser o próximo a ser preso à pedido do Procurador Geral da República Aécio Neves poderá ser o próximo a ser preso à pedido do Procurador Geral da República Reviewed by on 10:08 Rating: 5