Em nome da impunidade, Requião "desafia manifestantes" para defender Lei Salva Lula


Conforme a Exame, o senador pró-PT Roberto Requião (PMDB-PR), que é relator da Lei Salva Lula de “abuso de autoridade” no Senado, atacou neste domingo os protestos chamados pelo país para defender a Operação Lava Jato.


A Lei Salva Lula (de “abuso de autoridade”), uma tentativa de intimidar as investigações, é uma das críticas levantadas por manifestantes. Foi diretamente inspirada nas ações de Lula contra Sérgio Moro e tem por objetivo manter Lula impune e, com isso, abrir o precedente para que nenhum outro corrupto graúdo seja punido.

Requião, no Twitter, afirmou que nos protestos estão presentes “movimentos de mentecaptos manipuláveis”. Ele prometeu entregar, a despeito das manifestações, um substitutivo sobre o projeto na próxima terça-feira, o qual deve ser ainda mais dissimulado e perigoso.

“Com pitis ou sem pitis, com histerias e passeatas, ou sem, estou trabalhando para oferecer ao Senado, na terça, uma boa proposta de lei”, escreveu, na manhã deste domingo.


A força-tarefa da Lava Jato foi outro alvo das críticas do peemedebista. “Que maravilha seria se o pessoal da Lava Jato, firmes como são, fossem menos paladinos e fundamentalistas, e mais holísticos culturalmente.”
Informações: jornalivre
Em nome da impunidade, Requião "desafia manifestantes" para defender Lei Salva Lula Em nome da impunidade, Requião "desafia manifestantes" para defender Lei Salva Lula Reviewed by on 17:06 Rating: 5