Manifestação contra PEC do Gasto Público termina em "quebra-quebra"


Milhares de pessoas vieram para Brasília em caravanas de vários estados contra a Proposta de Emenda à Constituição (PEC) que limita os gastos do governo.


Segundo a Secretaria de Segurança do Distrito Federal eram 10 mil pessoas, mas os organizadores
calcularam 50 mil. O gramado em frente ao Congresso Nacional estava lotado nessa terça-feira (29) quando um grupo virou o carro de uma emissora de televisão.

A polícia, então, dispersou a multidão lançando bombas de gás lacrimogênio, gás de pimenta e bombas de efeito moral até a região da Catedral de Brasília, a cerca de 1,5 quilômetro do Congresso Nacional.

Houve enfrentamento entre parte dos manifestantes e policiais militares, resultando em destruição de carros queimados ou virados, depredação e barricadas com lixo no meio da rua.

A professora Juliana Gonçalves veio de Dourados, município do Mato Grosso do Sul (MS). Ela considera a PEC um retrocesso que tornará insuficiente o investimento em educação.
A professora reclamou que a polícia deveria reprimir o grupo que virou o carro e não toda a manifestação.

O estudante universitário Rodrigo Lima Pereira viajou do município de Guarapuava (PR) até Brasília para protestar contra a PEC.

A Secretaria de Segurança do Distrito Federal não respondeu as perguntas dessa reportagem. Mas, em nota, o governo de Brasília repudiou os atos de vandalismo e disse que a Polícia Militar agiu dentro dos padrões técnicos para o enfrentamento desse tipo de situação e procurou preservar o patrimônio e a segurança das pessoas.

Fonte: ebc
Manifestação contra PEC do Gasto Público termina em "quebra-quebra" Manifestação contra PEC do Gasto Público termina em "quebra-quebra" Reviewed by on 07:59 Rating: 5