LÍDER DO MTST DIZ: “SE ESTE MORO PRENDER LULA, SÃO PAULO VAI VIRAR PRAÇA DE GUERRA”

Coordenador nacional do Movimento dos Trabalhadores Sem Teto (MTST), que congrega 40 mil famílias em onze estados brasileiros, Guilherme Boulos , disse ao site petista, Brasil 247, que a prisão de lula é uma “declaração de guerra”


Perguntado se o MTST irá às ruas se Lula for preso? ele responde: “Uma prisão arbitrária do Lula não é um ataque apenas ao Lula. É uma declaração de guerra. Evidente que vai gerar reações”. Vamos torcer para Boulos e seu movimento honrarem suas palavras e partirem para cima mesmo. Desta forma acabaremos com estes movimentos sindicais.
LÍDER DO MTST DIZ: “SE ESTE MORO PRENDER LULA, SÃO PAULO VAI VIRAR PRAÇA DE GUERRA” LÍDER DO MTST DIZ: “SE ESTE MORO PRENDER LULA, SÃO PAULO VAI VIRAR PRAÇA DE GUERRA” Reviewed by on 06:09 Rating: 5